22 de setembro de 2011

Dicas de Praga – parte II



Como dito anteriormente, Praga está dividida da seguinte forma: Hradcany, a região do castelo, e Malá Strana, cidade baixa, estão numa margem do rio; a cidade antiga Staré Mesto, a nova Nové Mesto e o bairro judaico Josefov, no outro lado. Uma boa referência inicial é a praça da prefeitura, Staromestské Námestí (Old Town Square).

É bom ter um mapa na mão e traçar um trajeto agrupando as atrações mais próximas.

Muitas das atrações fecham às segundas.



HRADCANY - CASTELO


Castelo de Praga visto a partir da margem do rio


Entrada principal do Castelo


Ponto de fundação e mais alto da cidade, o Castelo é a principal atração da cidade. Confesso que é de fato uma das experiências mais interessantes que tive na cidade. Literalmente uma viagem no tempo!!!

Uma boa vista é a partir da Charles Bridge, seja de dia ou de noite, pois ele fica completamente iluminado.
Mesmo com um frio de trincar os dentes, o guarda não se move por nada!!!
Ele é tão grande que representa uma vila ou pequena cidade, contendo 26 prédios históricos, museu, a Catedral de São Vito, convento, calabouços, jardins e casas – dentre os mais antigos (começou a ser construído no século 9), é o maior, com ½ km de extensão - que soma ao todo 45 hectares. Como o local é muito grande, vale a pena verificar realmente que parte do castelo é mais adequada ao seu gosto pessoal. Sugiro inclusive pegar o mapa do local aqui, ajuda muito.

Páteo interno


Atualmente, parte do complexo é utilizado pelo Gabinete do Presidente Tcheco.
Prédio em que fica o gabinete do governo
A entrada é feita apenas pelo portão central, e ao lado dele existem os guardas que como em quase todo castelo europeu fazem uma troca de guarda folclórica a cada hora cheia, mas o melhor horário é ao meio dia – o fato de que eles não se movem por nada já virou atração local.
Nas áreas externas, a visita é gratuita, mas para ver o castelo por dentro e também a chamada Viela de Ouro, o ingresso custa aproximadamente 300 corroas (12€).

Catedral de São Vito (Katedrála Sv. Víta)

Seguindo pela entrada principal, esta será a primeira atração do complexo.

Catedral vista de fora do Castelo
Vista lateral da Catedral - detalhe ao desenho do telhado, no mesmo estilo da Catedral de Viena

De tão grande, a sua fachada não cabe na foto

Impressionante pelo seu porte e beleza arquitetônica, de tão valiosa não pertence mais à Igreja, mas sim ao Estado.
O mais esplêndido prédio de Praga foi fundado em 1344 e finalizado em 1929 (isso mesmo, 600 anos de construção!!!), tendo passado pelas mãos de diversos arquitetos e servido a diferentes ordens religiosas e propósitos.
A catedral tem 124 metros de comprimento e sua torre tem quase 100 metros de altura e 287 degraus, podendo ser vista a partir de qualquer local da cidade. A Catedral de São Vito guarda as jóias da Coroa e o túmulo do "Bom Rei" Venceslau e é avistada de toda a cidade, já que fica no monte Hradcany.

Altar da Catedral

Uma das maiores igrejas que já vi!!!

Belos vitrais

Pé direito altíssimo

Arquitetura gótica

Área para o coral e órgão

Belos vitrais

E belos mosaicos
Como cheguei na hora da missa, acabei ouvindo um Pai Nosso em tcheco.
E não é que dá para reconhecer??? Experiência interessante


Horário: “Last visit 20 minutes before closing time. March – October Monday - Saturday: 9.00 - 18.00 Sunday: 12.00 - 18.00 November – February Monday - Saturday: 9.00 - 16.00 Sunday: 12.00 - 16.00”.
$$$: grátis

Palácio Real (KRÁVLOVSKY PALÁC)

Situado ao lado da Catedral de São Vito (Katedrála Sv. Víta), o Palácio Real serviu do século 11 ao 16 como residência dos príncipes da Boêmia. Construído originalmente sobre um palácio romano no século 9 e refeito nos estilos gótico e renascentista, até ser duramente avariado por um incêndio em 1541. A atual remodelação data da metade do século 18.
Uma das áreas mais interessantes é o Salão Vladislau (de 1502), onde os antigos monarcas eram coroados


Salão Vladislau


Possui dezenas de salas históricas estonteantes com pomposos brasões e objetos históricos.
Brasões decoram o teto e as paredes do Palácio
Sala do Trono
Capela no interior do Palácio

Horário: diariamente 9h-17h (abr/out) e 9h-16h (nov/mar).
$$$: entrada avulsa se não estiver com o ticket único 140Kc

Viela de Ouro (Zlatá Ulicka)

Este conjunto de pequenas casas que eram ocupadas por aqueles mais próximos da corte nos tempos de império é uma das principais atrações dentro da área do Castelo.
Atualmente são lojas de souvenires. Franz Kafka viveu por alguns anos no n.º 22 desta viela, como hóspede de sua irmã – atualmente esta pequena casa é uma livraria.
Viela de Ouro

Repare na minúscula porta das casas

Casa em que Franz Kafka morou


Uma surpresa que tive foi encontrar meio que sem querer uma escadaria na muralha que dava acesso a uma galeria com várias armaduras e armas medievais.
Exposição de armaduras e armas medievais

Hum, dá medo de pensar qual o objetivo de uma armadura tão pequena...
 Se você quiser fazer uma pequena volta no tempo, dá para testar a sua pontaria com uma arma medieval chamada besta. Detalhe que por se tratar de uma arma de verdade, dois policiais fazem a vigilância da atração em tempo integral.
A melhor mira do Leste Europeu!!! Ah, o alvo fica de souvenir


Torre da Pólvora (Daliborka)

A primeira torre foi erguida aqui por volta de 1496 para ser um posto de artilharia com mira para o Fosso do Cervo. Destruída no incêndio de 1541, foi reerguida para ser a casa e a oficina do armeiro e fundidor de sinos Tomá Jaro. Já foi um laboratório de alquimia, onde no passado tentaram transformar chumbo em ouro. Hoje a torre abriga o acervo permanente de história militar tcheca.
Exposição de instrumentos de tortura medievais na Torre de Pólvora

Basílica de São Jorge (Bazilika Sv. Jirí)

Prédio de arquitetura românica mais bem preservado da região da Boêmia é a mais antiga construção religiosa da região do castelo, fundada em 920 pelo príncipe Uratislav I e reconstruída durante o século 12.
A atual fachada barroca é do século 17. Destaque para a capela de Santa Ludmila, a primeira mártir cristã tcheca. A basílica faz parte do Benedict Convent, convento de beneditinos que hoje abriga a Bohemia National Gallery, museu com arte antiga da Boêmia, aberto diariamente 9h-17h (abr/out) e 9h-16h (nov/mar), ingresso à parte por 100Kc
Interior da Basílica


Convento de São Jorge

O primeiro convento da Boêmia foi fundado em 973 nesse local, perto do Palácio Real, pelo príncipe Boleslau. O edifício românico é hoje a Galeria Nacional de arte boêmia e barroca. A exposição permanente de pintura e escultura do barroco tcheco está localizada no andar superior.


Convento de São Jorge


 Petrín Hill: é um bom local para ter uma vista completa da cidade. Lá fica a Petrín Tower (Rozhledna), que é uma cópia reduzida da Eiffel Tower, e foi construída a partir de  for the 1891 Prague Exhibition. It functioned as the city's primary telecommunications tower until the space-age Zizkovská vez (tower) opened across town. Those who climb the 59m (194 ft.) to the top are treated to striking views, particularly at night.” Horário: Jan-Mar Sat-Sun 10am-5pm; Apr daily 10am-7pm; May-Sept daily 10am-10pm; Oct daily 10am-6pm; Nov-Dec Sat-Sun 10am-5pm. Transporte: Tram: 12, 22, or 23 to Újezd, then ride the funicular to the top. Preço: 60Kc.      
         
Além destas, para quem estiver a fim e com tempo de percorrer todos os seus pátios e prédios, o castelo oferece outras atrações:

a)                           Prague Castle Gallery (Obrazárna Prazského Hradu): construída nos anos 1960, em um lugar antes ocupado por estábulos, abriga hoje coleções de pinturas barrocas. Diariamente 10h-18h, 100/50Kc.
b)        Lobkowiwicz Palace: apresenta coleções do Museu Nacional ilustrando a história tcheca, incluindo jóias reais (eventualmente este prédio pode estar fechado). De ter/dom 9h-17h, entrada 50/30Kc (estudante)
c)                            Toy Museum (no Burgrave Palace): entre bonecas de porcelana, carrinhos e soldadinhos de chumbo, destaca-se uma coleção de bonecos de artistas. Diariamente das 9h30-17h, entrada 50Kc.
d)      Loreta Convent: imponente convento de estilo barroco apresentando tesouros sacros dos séculos 16 ao 18, incluindo um adorno com 6.222 diamantes. Um carrilhão com 30 sinos datado do século 17 toca a cada hora entre 9h-18h. Fica na Loretánské námestí 7, em Hradcany, mas fora da área do castelo, próximo a ele morro acima. De ter/dom 9h-12h15 e 13h-16h30, entrada 90Kc.

Endereço: o melhor meio de chegar lá é via Tram n.º 22, 23 e 9
Horário: segundo o site oficial – “The Prague Castle is open daily: 5.00 - 24.00 in the summer season (April 1 - October 31) 6.00 - 23.00 in the winter season (November 1  - March 31) Historical monuments are open daily except 24.12. 9.00 - 17.00 in the summer season (April 1 - October 31) 9.00 - 16.00 in the winter season (November 1 - March 31)”
$$$: o acesso à área é livre, mas deve-se pagar para visitar as atrações que lá se encontram.

Type of ticket
Full admission
Discount (*)
Family admission (*)
Prague Castle - long visit
CZK 350
CZK 175
CZK 700
Prague Castle - short visit
CZK 250
CZK 125
CZK 500
Permanent exhibition "The Story of Prague Castle"
CZK 140
CZK 70
CZK 280
Prague Castle Picture Gallery
CZK 150
CZK 80
CZK 300
Powder Tower
CZK 70
CZK 40
CZK 140

* Admission Fee Reductions: youths aged 6 – 16; secondary school and university students in full-time study until 26; family (1-5 children at the age of under 16 with max. 2 adults); seniors past 65

         Existe uma permissão especial para fotos no interior (mesmo sem flash e tripé CZK50), caso contrário, fotos são proibidas.


Antes de descer para o centro da cidade, aproveite para apreciar a
vista perto da Torre de Pólvora
Booking.com

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida aqui