5 de abril de 2013

Dicas da AUSTRÁLIA (V) - Sydney: Chinatown e Paddy’s Market


Portal na Dixon St.
Como vocês viram anteriormente, a Austrália recebeu (e ainda recebe) uma grande quantidade de imigrantes asiáticos, principalmente chineses.
E assim como outras tantas cidades (Londres, Nova York e São Francisco), Sydney também tem na sua Chinatown o centro cultural para a comunidade chinesa.
Digo cultural porque atualmente boa parte dos imigrantes já não reside mais na região. Hoje eles habitam também outras áreas, como Chatswood, Strathfield e Hurstville.
Os primeiros imigrantes chineses chegaram em Sydney no século XVIII e se estabeleceram em The Rocks, onde permaneceram até o final do século 19. Posteriormente, passaram a ocupar uma área próxima ao Darling Harbour onde ficaram até a década de 20.
A curiosa escultura Golden Water Mouth. Dizem que é para atrair boas energias.
Ainda que bem menos interessante que a Chinatown de Nova York ou de São Francisco (esta a minha favorita!), acredito que seja um passeio interessante sim, especialmente para quem nunca visitou um bairro típico chinês.
Espere encontrar pelas ruas, além dos peculiares adornos chineses, aquelas lojas com exóticos produtos desidratados. Sabe aqueles que você nem consegue imaginar como são preparados? Ou pior ainda, o que são?
Na Dixon St., só pedestres.
Protesto provavelmente contra o regime de Beijing.
Pequenos shoppings e
Lojas de rua com um pouco de tudo.
Lá também são comuns as casas de ervas medicinais. Sempre que vejo uma destas fico me perguntando como eles sabem exatamente a quantidade certa para cada prescrição? Enfim.... sabedoria chinesa.
Loja de ervas medicinais. Tem as mais organizadas.
E outras que quase que dá medo de entrar.
Aproveite também para curtir um restaurante chinês. Antes que você ai do outro lado solte um sonoro “hummm” e pense em se lambuzar com um belo frango xadrez ou outra daquelas iguarias que costumamos comer por aqui, faço um alerta.
A comida chinesa que comumente é servida aqui é a da região do Cantão da China. Como vocês sabem a China é enorme, e as diferenças sob o ponto de vista culinário de uma região para a outra são enormes.
Pô, mas o que dá para comer então?
A menos que você tenha um estomago a lá Andrew Zimmern e tope qualquer coisa, sugiro um simples macarrão. Dificilmente será uma fria.
Mesmo fazendo o pedido direitinho ainda veio apimentado, menos é verdade.
É nestas horas que o menu com fotos salva o viajante...
Seja de que parte da Ásia for, um menu com foto sempre ajuda.
Ah, e um detalhe a mais, procure o menos apimentado possível. Comida chinesa, exceto a do dito Cantão, normalmente é bem apimentada. Então, a menos que você queira sair com uma beiçola ou consumir um litro de refrigerante, vá de “no spice, please!”.
Mas nem só de pratos apimentados vive a Chinatown. Na Dixon St., logo após o típico portal chinês, vocês encontrarão o Emperor`s Garden Cakes and Bakery, onde eles servem os deliciosos Emperor`s Puff. 
Emperor`s Garden.
É só ir na pequena porta à esquerda.
Eles são feitos ali na sua frente.
Quentes, coma na hora mesmo. Dentro, um creme parecido com o do pastel de Belém.
A Chinatown de Sydney é bem pequena se comparada às demais existentes pelo mundo. Os pontos mais interessantes ficam nos arredores da Dixon St. onde existe uma grande variedade de lojas com artigos orientais e algumas boas pechinchas em souvenires.
E já que o assunto é souvenires, não deixe de passar no Paddy’s Market. Trata-se de um grande mercado de stands com produtos que vão desde souvenires interessantes (a preços justos) a simples tranqueiras no melhor estilo made in China. Vale o passeio.
Paddy`s Market.
Caligrafia chinesa.
E eu nem consigo ter uma letra mais ou menos!
Paddy`s Market, tem de tudo.
A placa fala por si só...
Em tudo quanto é lugar que tem artesanato vocês encontrarão aquele "coçador de costas", mas como estes, duvido.
Infelizmente o único Roo que dava para levar para casa era estes.
O Paddy’s Market funciona de quarta a domingo das 9h00 às 17h00 e fica na 9-13 Hay St Haymarket.
Se você curte jardins, não deixe de ver o Chinese Garden que fica perto do Tumbalong Park, no caminho para o Darling Harbour.
Chinese Garden. 


E por falar em Darling Harbour, no próximo post mostraremos um pouco desta famosa área turística de Sydney.

Booking.com

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida aqui