12 de novembro de 2013

Onde Ficar em Bangkok? IBIS Bangkok Siam



Além da variedade de opções de hospedagem, Bangkok traz como vantagem um dos melhores custos de diária que já vi. Só para dar um parâmetro efetivo do que estou dizendo, basta conferir o utilíssimo  Ibismômetro do Viaje na Viagem.
Faz tempos que espio os valores médios das diárias lá e Bangkok está sempre entre os destinos mais em conta do planeta neste quesito. E não pensem que a questão limita-se à Bangkok, pois em certa medida, isto também se aplica aos demais destinos turísticos do país.
Isto permite aos viajantes que têm um orçamento de viagem mais apertado economizar um pouco, afinal já se gastou muito com o valor da passagem até lá. Ou, para quem puder gastar um pouco mais, investir num hotel de luxo o mesmo valor ou um pouco mais do que se gastaria ordinariamente num hotel mais simples em outro destino qualquer.
Pois é, este é o “custo Tailândia”. Acorda Brasil!!!
Enfim, apesar da vontade de fazer uma pequena extravagância, optamos por algo bem mais modesto mas não menos eficiente.
Localizado bem no meio dos principais shoppings da cidade. Só nos arredores são quatro!

Sabendo de antemão que o trânsito de Bangkok é bastante confuso, optei por um hotel mais central e com fácil acesso ao transporte público, tanto para as atrações quanto para o aeroporto.
Depois de algumas pesquisas, e muito por conta do receio de cair na cilada de algum hotel menos confiável, escolhi o IBIS pela certeza do que esperaria.
Se há algo que muda muito pouco ao redor do mundo, além do BigMc, são os hotéis da rede IBIS. Pode até não ter luxo, mas você paga um valor aceitável e já sabe previamente qual será o padrão de qualidade da estadia.
A rede tem uns quatro hotéis mais centrais, fora os demais hotéis pertencentes a outras redes do grupo.
Como queria algo relativamente central mas fora do centro velho onde predominam hotéis mais antigos, escolhi o IBIS Siam, afinal ele tem como vizinhos os principais shoppings da cidade e está a pouquíssimos metros do metrô. Ou seja, com fácil acesso a tudo. O único detalhe é que em meio a tantos prédios, é relativamente difícil localizá-lo, mas siga as indicações para o Hotel Mercure, com o qual ele divide o espaço.
Os quartos são modernos e despojados, como disse, não espere luxo pois esta não é esta a proposta da rede.
Relativamente espaçosos servem bem para duas pessoas.


No quesito limpeza também não decepciona.

Tudo novinho e limpo.
Contam com os equipamentos básicos: TV LCD com canais internacionais, acesso à internet wi-fi gratuito, minibar, máquina de chá e café, cofre, ar-condicionado e secador de cabelo. Particularmente não preciso de mais que isto!


Algo que realmente merece destaque é o atendimento no hotel. Extremamente simpático. O atendimento cordial e eficiente foi uma excelente primeira impressão da terra dos sorrisos; ainda mais para quem acabou de chegar vindo do outro lado do mundo – perdido e cansado.
Check-in e check-out rápido sem contratempos e nos prestaram todas as informações que nos faltavam a respeito da cidade, inclusive o passeio de barco anteriormente relatado.
Seguindo o padrão IBIS, o café da manhã é opcional e pode ser adicionado ou é cobrado à parte da diária. Considerando os itens disponíveis, o valor de 247,17 baht ou R$ 17,71 parece bem razoável.
No café, itens locais como arroz frito e frutas exóticas, junto com os itens mais comuns como ovos mexidos.
As diárias apresentadas giram em torno de 2071,52 baht ou R$ 148,41 para o casal com todos os impostos inclusos mas sem café da manhã que neste caso foi pago à parte.
Fala se não é uma pechincha? Coisas de Tailândia!

E ai? Gostou? Se quiser reservar este e outros hotéis, dê um clique no banner do Booking.com e faça sua reserva, assim você ajuda na manutenção deste blog e não paga nada a mais por isso!
Booking.com

3 comentários :

  1. Oi estou indo sozinha p Tailandia agora em dez/13 e estou adorando seu blog, mas senti falta de post sobre Phi Phi (creio q vc ainda nao escreveu!), mas poderia me adiantar qual hotel ficaram ? e a impressao q tiveram do hotel ? por favor me mande dicas, do q for imperdivel e das furadas.
    Desde ja agradeço,
    abço,
    Tina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tina,
      Putz que legal!!! Foi um dos lugares mais interessantes que já visitei.
      Infelizmente não vai dar tempo de postar o material antes de você ir. Mas vai ai a informação: ficamos no Mama Beach Resort, um hotel bem perto do centro, mas deslocado da confusão dos bares (uns 10 min a pé). Tem um super serviço. Preço justo e fica numa parte bacana e tranquila da praia. Recomendo e muito. Fale com o Antoine que é o dono ou gerente, pode falar do blog que ele deve lembrar: info@mama-beach.com.
      Eles me deram inclusive boas dicas de passeios por lá. Tem um tour muito bom chamado Sunset tour que cobre numa tarde as principais atrações da ilha e dos arredores. De resto é só relaxar!!!
      Boa viagem!!!
      Ah, não se esqueça de experimentar a massagem tailandesa. Pretendo publicar o post esta semana!

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida aqui