17 de maio de 2016

Onde ficar em Orlando? CoCo Key Hotel & Water Resort

CoCo Key Hotel & Water Resort.
Sinônimo de turismo como poucas, Orlando tem uma oferta de hotéis incrível. As variadas opções vão desde ficar dentro de um dos resorts existentes nos complexos dos parques até nos inúmeros e excelentes hotéis nos arredores da principal via da região, a International Drive.

Como já disse anteriormente, se ficando dentro dos parques você tem a vantagem de estar literalmente a poucos passos dos portões de entrada; a desvantagem fica por conta do custo mais elevado das estadias e o fato de que você estará inevitavelmente mais isolado das demais atrações da cidade. Por exemplo, quem fica num hotel da Disney, acaba ficando longe dos parques da Universal, e vice-versa.

Justamente buscando um equilíbrio entre localização e qualidade, e com um excelente custo/benefício, optamos pelo CoCo Key Hotel & Water Resort.

Uma das grandes vantagens do CoCo Key é a sua localização. Situado na International Drive, dali se tem fácil acesso às principais atrações da cidade.
CoCo Key Hotel & Water Resort tem uma excelente localização.
Só para dar uma ideia, do hotel até o portão dos parques da Univesal Studios são 6km (14 minutos); até o Orlando International Premium Outlet são 4km; 15km para o Flórida Mall; e para os parques da Disney, que ficam um pouco mais distantes, são 26km (24 minutos). E o Aeroporto Internacional de Miami está a 26km (21 minutos).

Assim como outros hotéis da região, o CoCo Key oferece estacionamento gratuito no local. Isto pode parecer bobagem, mas em outros destinos como Los Angeles e Havaí, para ficarmos apenas em dois mais recentes que visitamos, os hotéis cobram à parte pelo estacionamento.

Outro item a considerar é que o hotel oferece aos hóspedes transporte gratuito até os parques da Universal. Para utilizar o serviço basta fazer a sua reserva com um dia de antecedência no desk de passeios existente no lobby. Na hora marcada o ônibus pegará você no ponto situado dentro do próprio hotel.

Como o preço dos estacionamentos nos parques gira em torno de US$20 ao dia, economizar praticamente R$80/dia não é uma má ideia, né?

O serviço não cobre os parques da Disney, que ficam mais longe e para os quais você precisará de um transfer que pode ser contratado diretamente junto ao hotel. Acho que são uns US$7,50.

O CoCo Key conta com quase 400 quartos de diferentes categorias. Nós optamos por um quarto Hypoallergenic. Para quem não sabe o que é, trata-se de um quarto com tratamento especial para pessoas com alergias. Neles, os lençóis, fronhas e colchas são feitos de materiais menos suscetíveis de causar alergia. Adicionalmente no caso do CoCo Key há no quarto um aparelho que é responsável por filtrar o ar. Funcionou muito bem!
O enorme quarto do CoCo Key.

À esquerda o equipamento de purificação do ar e à direita o ar-condicionado.
Embora o quarto seja simples e tenha uma decoração mais antiga, o estado de conservação e tamanho da unidade compensam. Era simplesmente enorme e poderia facilmente acomodar 4 adultos, sobrando ainda espaço para abrir as malas e transitar.

O quarto era muito bem equipado, contando com micro-ondas, frigobar, televisão com muitos canais internacionais; ar condicionado; internet wi-fi gratuita; secador de cabelos; máquina de café-chá; ferro e tábua para passar roupa e cofre.
Frigobar e micro-ondas.
E uma máquina de café.
No quesito limpeza o CoCo Key não decepcionou. O banheiro era simples, mas bem limpo.
De um lado a pia
E do outro a banheira com chuveiro.
Repare no brilho dos metais. Sinal de limpo!
Um dos trunfos do CoCo Key Hotel & Water Resort é a sua infraestrutura. O complexo é enorme.

No centro do quadrilátero formado pela recepção e outros três blocos de quartos (acho que são uns 7 blocos ao todo), uma excelente piscina aquecida.

Indo para o fundo do hotel chega-se ao parque aquático propriamente dito. Infelizmente pelo frio que fazia em Orlando quando da nossa visita, achei melhor não arriscar um mergulho mesmo sendo as quatro piscinas aquecidas.
Piscina central.
Piscina interna.
E parte externa do parque aquático.
O tamanho e a quantidade de brinquedos impressionam.

Uma das áreas é completamente coberta. Já a outra, maior ainda, tem vários tobogãs e outros brinquedos. E não é pouca coisa não, são ao todo 14 tobogãs. Fiquei imaginando o quanto aquilo é agitado no forte verão da Flórida.

Além disso existem ainda salas de fliperamas – ok, fliperama entrega a idade.... Diversões eletrônicas então. Coisa de deixar qualquer shopping brasileiro no chinelo!
Área com diversões eletrônicas.
Como não tínhamos muitos dias na cidade e precisávamos aproveitar ao máximo o nosso tempo, optamos por não utilizar o serviço de café da manhã do hotel que é servido em um restaurante interno e cobrado à parte. O hotel conta ainda com um bar e dois restaurantes.
Dentro do hotel uma pequena, mas boa loja de conveniências.
O atendimento do staff do hotel foi excelente. O quarto solicitado estava disponível no horário combinado e o berço do Cumbiquinho já estava montado ao chegarmos.

Pode parecer algo de menor importância para alguns, mas especialmente para aqueles que fazem a sua primeira viagem internacional ou mesmo à Orlando, ter alguém da equipe do hotel que fala português e entende bem as necessidades dos hóspedes brasileiros ajuda e muito. Logo na chegada fomos recebidos pela coordenadora de reservas do hotel, Katia Barbera. Super simpática, ela nos recebeu no hotel e num bate-papo de uns minutos já nos deu valiosas dicas da cidade.
O hotel tem até mesmo um app para smartphones.
Definitivamente, atendimento em português é um ponto de grande valia para os hóspedes brasileiros.

Por mais que o dólar não esteja lá muito favorável para compras, sempre que a gente vai aos EUA acaba comprando algo. E poder comprar pela internet e pedir para a loja entregar diretamente no hotel é mais que uma comodidade, é uma necessidade em alguns casos, especialmente para quem não quer perder muito tempo com compras.

Ok, tem gente que abusa e por conta disso alguns (poucos) hotéis passaram simplesmente a proibir tal procedimento por parte de seus hóspedes. A maioria, como o CoCo Key aceita o recebimento de pacotes vindos de lojas conhecidas e cobra uma pequena taxa por pacote. Salvo engano algo como US$ 3,00. Uma dica: se comprar tudo na mesma loja, peça para a entrega ser feita de uma única vez num único pacote; assim você economiza no frete e no custo de recebimento.
Áreas comuns bem cuidadas.
E frequentadas!
O preço das diárias no CoCo Key é excelente, mesmo para o padrão de Orlando. Só para dar uma ideia, um casal e uma criança pagariam diárias a partir de US$ 175, ou seja, uns R$ 400 na alta temporada. Some ainda que quase sempre eles fazem alguma promoção, como a na data deste post que dava 20% para quem fica mais de 3 noites.

Além da estadia, é cobrada uma taxa de resort de US$ 24 por noite e por quarto pelo uso das instalações do parque aquático, internet wi-fi, academia e estacionamento.

Pelo custo / benefício, fiquei bastante satisfeito com a estadia no CoCo Key Hotel & Water Resort, e indicaria tranquilamente ele para uma estadia em Orlando.

E vocês, já foram para Orlando? Onde se hospedaram? Como foi a estadia? Deixem suas dicas de hospedagem na caixa de comentários.

E ai? Gostou? Se quiser reservar este e outros hotéis, dê um clique no banner do Booking.com e faça sua reserva, assim você ajuda na manutenção deste blog e não paga nada a mais por isso!

* O Cumbicão hospedou-se mediante uma parceria estabelecida com o hotel para coletar material para este post. Todas as opiniões e relatos aqui descritos refletem fielmente a experiência durante a estadia, atendendo à política do blog.


Quer receber mais dicas de viagem e saber quando saem os próximos posts?
Curta nossa página no Facebook, aqui.
Siga-nos no Twitter @cumbicao.
E no Instagram – Cumbicão.

Booking.com

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida aqui