7 de dezembro de 2017

Fim do visto para os Emirados Árabes: ficou mais fácil viajar para Dubai e Abu Dhabi

Ficou mais fácil ir para Dubai
Finalmente caiu! Brasileiros não precisam mais de visto de turismo para viajar para os Emirados Árabes e visitar as cidades de Dubai e Abu Dhabi.

Demorou mas veio. Eu mesmo achei que na nossa última passagem pelo país em setembro já fosse usufruir do benefício e esperei até o último minuto para requerer os nossos vistos. Esta semana o Senado ratificou o tratado internacional assinado pelo Governo brasileiro e dos Emirados em 17 de março de 2017.

É uma grande vantagem já que as duas principais cidades dos Emirados são destinos cada vez mais presentes na lista de desejos de viagem dos brasileiros. Fora que muitas das vezes Dubai acaba se mostrando uma excelente opção nas escadas entre o Brasil e a Ásia. Se você nunca considerou esta rota voando Emirates, não sabe o que está perdendo: serviço top com bom custo e opção de um stop-over super legal em uma ou nas duas pernadas da viagem.

Embora o Decreto tenha já sido publicado no Diário Oficial da União em 5 de dezembro de 2017, para que ele passe a valer de verdade é preciso aguardar que o Presidente da República o sancione. Na prática isso não deve demorar muito não – certamente menos que os 10 meses que assunto ficou parado no Senado.
Que tal curtir um passeio no deserto?
Como funcionará na prática? Conforme informado pelo Ministério do Turismo, os brasileiros terão livre acesso aos Emirados Árabes Unidos (e seus cidadãos ao Brasil) por até 90 dias ao ano, tanto para viagens de negócios quanto turismo, tenham eles passaportes diplomáticos (o que já estava valendo) quanto passaporte comum (eu e você!). Provavelmente eles aumentem um pouco o rigor na comprovação ali na hora de que você tem hospedagem, dinheiro para se manter durante a viagem e passagem de volta, ou seja, coisas comuns.

A grande vantagem da isenção fica por conta da facilidade no planejamento da viagem, já que o visto para os Emirados deveria ser solicitado junto a um sponsor oficial – a Emirates era talvez a mais conhecida. E também no custo, já que para a emissão do visto pagava-se uns 249 AED para o de permanência mais curta e entrada única (96 horas), o que dava uns R$ 226,00.
Sheikh Zayed Grand Mosque.
Vou viajar nos próximos dias, o que faço?

Olha se você está com viagem para o final do ano, espero do fundo do coração que você já tenha o visto e não tenha deixado para a última hora. O visto normalmente demora alguns dias para ser processado. E olha que o processo eletrônico dos Emirados é super rápido.

Se precisar emitir um visto antes da vigência da isenção, confira aqui o passo a passo.

Vá monitorando as informações pelos meios de comunicação e na dúvida mantenha contato com a Emirates, já que a exigência do visto é feita logo no balcão do check-in.

Meu palpite é que o assunto demore não mais que uma ou duas semanas para estar totalmente resolvido e a isenção valendo imediatamente após a sanção do Presidente. Mas fique de olho.


Bora ler os posts dos EmiradosÁrabes para programar a sua viagem?

Booking.com

Quer receber mais dicas de viagem e saber quando saem os próximos posts?
Curta nossa página no Facebook, aqui.
Siga-nos no Twitter @cumbicao.
E no Instagram – Cumbicão.

2 comentários :

  1. Que notícia boa Diogo! Vou no Carnaval e espero que até lá eu não precise solicitar o visto.
    Se souber de algo antes post no instagram, por favor!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rogéria, muito provavelmente até lá não precise mais.
      Fique tranquila que assim que o Presidente assinar aviso aqui e nas redes sociais.
      Vá se preparando para curtir!!!
      Abraço.

      Excluir

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida aqui